Quem foi Néfi Tales?

A história viva de Guarulhos

Ex-presidente da Assembléia Legislativa, e ex-governador do estado de são paulo, Néfi Tales

Filho de imigrantes, Néfi Tales nasceu na cidade paulista de Guará, em 22 de abril de 1938. Estudou em Ribeirão Preto, Morro Agudo e Orlândia.

Chegou em Guarulhos em 1960, já como professor da rede estadual de ensino. Lecionou no Liceu Brasil, Grupo Escolar Jd V.Galvão, no Ginásio Torres Tibagi, Jd. Tranquilidade, na Escola Monteiro Lobato, no IEE (atual EEPSG Conselheiro Crispiniano) – onde foi diretor – e ainda nos Ginásios da Ponte Grande e Gopoúva. Na FIG lecionou Psicologia Educacional.

Formado em Pedagogia pela Universidade de São Paulo (USP) e em Direito pela Faculdade Sul de Minas, o professor Néfi Tales, como era carinhosamente chamado pela população da cidade que ele adotou, decidiu entrar na política em 1968.

VEREADOR – Fundador do MDB (Movimento Democrático Brasileiro), partido de oposição e resistência á ditadura militar, candidatou-se a Vereador e foi eleito para o mandato de 1969 a 73, sendo presidente da Comissão de Educação e membro da Comissão de Bolsas de Estudo.

DEPUTADO – Ligado às causas democráticas, e à educação, seu mister, o professor Néfi Tales elegeu-se Deputado Estadual em 1974, pelo MDB, com extraordinária votação: 26.928 votos. Na Assembléia Legislativa de São Paulo, ocupou a presidência da Comissão de Educação.

PREFEITO – Em trajetória política ascendente, o abnegado político foi candidato a Prefeito em Novembro de 1976. A população de Guarulhos foi às urnas e o aclamou como o Comandante Maior da cidade, com 49.741 votos. Néfi Tales assumiu a Prefeitura de Guarulhos e deixou a Assembléia. Exerceu um mandato histórico, de 19/02/1977 a 13/05/1982 – realizando algumas das MAIORES (e necessárias!) OBRAS de toda a HISTÓRIA de GUARULHOS.

DEPUTADO REELEITO – Uma vez mais, atendendo aos apelos de sua base eleitoral, que clamava por uma digna e firme representação estadual de Guarulhos, Néfi Tales desincompatibilizou-se 6 meses antes do término de seu mandato e concorreu a Deputado Estadual novamente. Elegeu-se com 107.370 votos, sendo o segundo parlamentar mais votado do já PMDB (partido sucessor do MDB, com o fim do bipartidarismo).

GOVERNADOR – Para orgulho de toda a gente de Guarulhos, o professor Néfi Tales foi eleito presidente da Assembléia Legislativa paulista, no biênio 1983/85. Foi Governador interino de São Paulo.

Coube a ele, o professor Néfi Tales, então Presidente da Assembléia Legislativa o “voto de Minerva”,voto decisivo e exclusivo, que colocou o ex-Governador Mário Covas na cadeira de Prefeito da Capital/SP, em 1985. Posteriormente foi reeleito Deputado Estadual constituinte.

Em Outubro de 1996 foi reeleito Prefeito de Guarulhos, com 277.835 votos;sendo reconhecido por toda imprensa falada e escrita do Pais como fenômeno das eleições. Empossado em 01/01/1997, governou até 15/09/1998, sendo afastado pela Justiça, por um processo movido pela Câmara (que mais tarde provaria a injustiça de sua cassação).

“Vítima de profundo desgosto, o Professor, Vereador, Deputado, Constituinte paulista, Governador interino e Prefeito Néfi Tales faleceu no dia 20 de Junho de 2003; por falsas acusações a ele atribuídas”. (Hoje comprovadas documentalmente)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *